Assinatura eletrônica

Como implantar a interoperabilidade na saúde?

A interoperabilidade é a capacidade que os sistemas possuem de operar de modo integrado e sem precisar do auxílio de uma pessoa para funcionar adequadamente.

A ideia por trás da interoperabilidade é facilitar a troca de informações entre os diferentes tipos de sistemas utilizados pela instituição, como:

  • Softwares; 
  • Plataformas;
  • Aplicativos;
  • Entre outros.

Em geral, os sistemas funcionam em linguagens de programação distintas, mas é possível usar APIs (Application Programming Interface), que são um conjunto de normas que proporcionam a comunicação entre plataformas através de protocolos. 

Desse modo, os sistemas hospitalares conseguem trocar dados e funcionar em conjunto de forma harmoniosa. 

Porém, como você pode implementar a interoperabilidade na sua instituição de saúde? Veja no tópico seguinte. 

O que fazer para implantar a interoperabilidade na saúde?

Em primeiro lugar, é preciso mapear quais são os sistemas necessários para o bom funcionamento da rede hospitalar

Feito isso, é hora de procurar fornecedores das ferramentas escolhidas. É bem provável que não consiga tudo de uma única empresa. Por isso, é muito importante checar a compatibilidade e se o sistema possibilita a integração com outros via API. 

Existem várias ferramentas que fazem parte da rotina hospitalar que podem operar de modo integrado, por exemplo: 

  • Prontuário Eletrônico do Paciente (PEP): é o registro de informações sobre a situação do paciente, com a interoperabilidade, os dados ficam disponíveis para cada profissional de saúde envolvido no atendimento;
  • Sistema de Informação Radiológica (RIS): possibilita a automatização da gestão de centros de radiologia. A integração permite que o diagnóstico de um paciente aconteça mais rapidamente, já que o médico terá acesso ao exame em menos tempo;
  • Sistema de Arquivamento e Comunicação de Imagens (PACS): é um sistema de armazenamento de imagens médicas, a comunicação com outras ferramentas possibilita mais velocidade ao atendimento dos pacientes;
  • Assinatura Eletrônica: é a assinatura feita de modo virtual, sem a necessidade de papel e caneta, com a integração com outros sistemas agiliza a conclusão dos processos da instituição de saúde.

Portanto, a interoperabilidade é uma excelente forma de evitar silos de dados, que poderiam prejudicar o atendimento aos pacientes e torná-lo mais demorado. 

Mas essa não é a única vantagem de utilizar sistemas integrados entre si, confira a seguir outros benefícios da interoperabilidade na saúde. 

 

 

Quais são os benefícios da interoperabilidade na saúde?

Veja 3 razões pelas quais vale a pena utilizar a interoperabilidade em sua unidade hospitalar. 

1- Maior satisfação dos pacientes

Primeiramente, se utilizar a integração de sistemas, os pacientes ficarão mais satisfeitos com os serviços de saúde fornecidos pela sua rede hospitalar, como: 

  • Exames: os resultados vão ficar prontos mais rápido para que o indivíduo possa dar sequência ao seu tratamento;
  • Atendimento: as filas e o tempo de espera se tornarão menores;
  • Diagnóstico: o médico poderá fornecer diagnósticos mais precisos. 

Assim, é mais provável que procurem a sua unidade quando surgir necessidade e que também façam indicações para outros. 

2- Redução de custos

A centralização de informações sobre cada paciente auxilia na verificação do valor financeiro que está sendo destinado para cada serviço e o retorno obtido.  

Assim, o setor administrativo consegue trabalhar em conjunto com as outras áreas de modo mais eficaz, é possível saber mais facilmente o quanto cada paciente de modo individual provocou em despesas durante o seu período na unidade.

3- Melhor comunicação entre as áreas

Outra vantagem da interoperabilidade é a facilitação da comunicação entre os diversos setores hospitalares. 

Para o atendimento ao paciente ser bem executado é preciso que haja uma equipe multidisciplinar disponível, mas isso só adianta se os dados analisados pelos profissionais estiverem rapidamente disponíveis uns para os outros

Em síntese, a interoperabilidade permite que vários sistemas hospitalares funcionem em harmonia e troquem informações entre si, isso pode ser feito com várias ferramentas diferentes desde o PEP até a assinatura eletrônica e traz muitos benefícios para a instituição de saúde, como, mais agilidade, melhor comunicação e satisfação dos pacientes. 

Pensando nisso, você já conhece a Madics Sign? É uma ferramenta de assinatura eletrônica avançada que permite integração com o PEP, garantindo mais agilidade aos seus processos hospitalares!

Nossos clientes reduziram mais de 80% os custos com papel

E-VAL Madics Sign: Assinaturas eletrônicas na saúde são fundamentais na integração nos sistemas de gestão em saúde e na digitalização de documentos

Oferecida pela E-VAL Saúde, O MADICS Sign é uma solução de assinatura eletrônica integrada ao prontuário eletrônico do paciente (PEP) que ajuda os hospitais a eliminarem papel em seus processos médicos e no uso da receita digital e atestados médicos. 

O MADICS Sign é a maneira mais fácil de eliminar o papel do hospital, melhorando a colaboração entre os médicos, enfermeiros e equipe multi, criando uma experiência incrível.

Considerada a solução mais indicada para eliminação do registro impresso do prontuário, o MADICS Sign se apoia na legislação vigente sobre a validade jurídica de documentos eletrônicos assinados digitalmente e nas resoluções que regulamentam a infraestrutura de certificação digital brasileira e o uso de certificados digitais no setor da Saúde. 

A solução permite a autenticação do usuário integrada ao sistema de prontuário. O hospital ou seu representante chancelam digitalmente o registro do prontuário e o registro de autenticação do profissional de saúde, garantindo a inalterabilidade do prontuário e autenticação, gerando uma evidência verificável por terceiros.​

Além disso, o MADICS Sign é um sistema híbrido que mantém a assinatura digital ICP-Brasil, transparente para o sistema de prontuário e operação.​ O hospital poderá manter parte dos usuários assinando digitalmente de acordo com sua avaliação.

Quanto tempo sua equipe está perdendo manuseando documentos em papel? Para muitos hospitais, a resposta é: “Não sabemos”.

Embora tenha havido uma mudança nos últimos anos em direção à digitalização de processos de saúde, como o uso de formulários de entrada online simples ou a implementação de sistemas como o prontuário eletrônico do paciente (PEP), muitas práticas ainda lutam com fluxos de trabalho em papel.

Isso pode incluir documentação em papel sendo passada fisicamente entre os membros da equipe, ou mesmo soluções de software não automatizadas, como o envio de um arquivo Excel por e-mail, por exemplo.

Muitos desses processos podem (e devem) ser digitalizados e automatizados, se não por uma questão de conveniência, mas por um outro motivo importante: o custo.

Os sistemas de fluxo de trabalho baseados em papel podem custar à sua clínica milhares de Reais anualmente, mesmo sem você saber.

Nos EUA, por exemplo, o uso de formulários em papel custa US $ 120 bilhões por ano.

Para as clínicas, a maior parte dos resíduos de papel vem de arquivos de pacientes, formulários de admissão e outros processos de papel relacionados ao atendimento ao paciente, bem como ao trabalho administrativo.

Embora, na prática, o PEP tenha mitigado algum desperdício de papel nas clínicas, isso simplesmente não foi suficiente.

Na verdade, espera- se que a demanda por papel dobre antes de 2030.

Forneça experiências de assinatura excepcionais e agilize assinatura de prontuário com MADICS Sign

É a maneira mais fácil de automatizar fluxos de trabalho de PEP. Use o MADICS Sign e elimine uma boa quantia de papel e dor de cabeça.

E-VAL Saúde, uma empresa do Grupo E-VAL

A E-VAL Saúde é uma empresa especializada em certificação digital, segurança da informação com foco em assinatura digital, autenticação e proteção de dados, em especial para assinatura digital de prontuários eletrônicos do paciente, gerenciamento eletrônico de documentos e demais documentos de seu hospital, operadora, laboratório ou clínica. A E-VAL Saúde tem mais de 10 anos de experiência no mercado da saúde.

Fale conosco, os especialistas da E-VAL Saúde terão o maior prazer em atendê-los, contribuindo para o desenvolvimento dos seus projetos e a melhoria contínua da segurança do seu hospital, operadora, laboratório ou clínica.

Até breve!