Assinatura eletrônica

A nuvem pode ser uma solução para a sua instituição de saúde, entenda o porquê!

A saúde finalmente abandonou o medo e agora percebe o valor da computação em nuvem.

No passado, os profissionais de saúde de TI se preocupavam com a segurança, mas ao longo dos anos, a estabilidade das principais plataformas de nuvem amenizou essas preocupações. 

Em vez disso, as organizações de saúde veem o valor das opções de computação em nuvem, como a relação custo-benefício e seu papel no atendimento baseado em valor, saúde da população e envolvimento do paciente.

Para muitos CIOs, o valor da computação em nuvem inclui economia, escalabilidade e acesso mais fácil aos dados. A nuvem também oferece oportunidades de armazenamento aprimorado, análise de big data, saúde da população, envolvimento do paciente e atendimento baseado em valor.

Como a computação em nuvem está transformando o setor de saúde

A migração para a nuvem traz dois benefícios principais. Provou ser vantajoso tanto para os profissionais de saúde quanto para os pacientes. No lado comercial, a computação em nuvem tem se mostrado benéfica para a redução de despesas operacionais, permitindo que os provedores ofereçam atendimento personalizado de alta qualidade.

Os pacientes, que estão cada vez mais acostumados com a entrega instantânea dos serviços, passam a contar com a mesma presteza também do setor saúde. 

A nuvem também aumenta o envolvimento do paciente com seus próprios planos de saúde, dando-lhes acesso às suas próprias informações médicas, resultando em melhores resultados para os pacientes.

Separamos aqui as principais maneiras pelas quais a computação em nuvem está impactando as instituições de saúde.

1. Redução de custos com uso da computação em nuvem

A premissa básica da computação em nuvem é a disponibilidade sob demanda de recursos de computador, como armazenamento de dados e poder de computação. Hospitais e prestadores de serviços de saúde não precisam mais comprar hardware e servidores. 

Não há encargos iniciais associados ao armazenamento de dados em nuvem. Você paga apenas pelos recursos que realmente usa, o que resulta em uma enorme economia de custos.

A computação em nuvem também fornece o ambiente ideal para dimensionamento, o que é uma qualidade desejável nos tempos atuais. 

Com os dados do paciente fluindo não apenas dos registros na forma de EMRs, mas também por meio de uma infinidade de aplicativos de saúde e vestíveis de saúde, um ambiente baseado em nuvem prova ser perfeito para escalonamento e revisão capacitiva, mantendo os custos sob controle.

2. Segurança na nuvem

Provavelmente, uma das principais preocupações quando se trata de computação em nuvem é a segurança, especialmente desde a implementação de novas legislações  relativas à proteção de dados pessoais e privacidade, a exemplo da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD)

Se bem feitos, os serviços em nuvem podem realmente ajudar a aumentar a segurança e manter os arquivos confidenciais protegidos, graças aos servidores protegidos e criptografados. 

Esta solução permite transferências seguras de dados de qualquer tipo em toda a nuvem.

3. Escalabilidade e flexibilidade 

A computação em nuvem oferece uma vantagem para as instituições de saúde, permitindo que aumentem ou diminuam sua capacidade de armazenamento e processamento de dados dependendo das necessidades, do volume de informações dos pacientes e de outros fatores. 

Isso concede aos hospitais, por exemplo, a capacidade de adaptar suas necessidades de tecnologia sazonalmente, dependendo de quando certas doenças são mais frequentes, como as temporadas de gripe. 

Além disso, em caso de desastres ou períodos difíceis, a exemplo da atual crise sanitária, uma solução em nuvem pode otimizar muito a forma como as informações chegam aos profissionais de saúde, a fim de prepará-los rapidamente para o trabalho.

4. Facilidade de interoperabilidade

A interoperabilidade visa estabelecer integrações de dados em todo o sistema de saúde, independentemente do ponto de origem ou armazenamento. 

Como resultado da interoperabilidade alimentada pela adoção da computação em nuvem, os dados do paciente estão prontamente disponíveis para distribuição e obtenção de percepções para facilitar o planejamento e a entrega da saúde.

A computação em nuvem permite que os provedores de saúde obtenham acesso fácil aos dados do paciente coletados de várias fontes, compartilhe-os com as partes interessadas importantes e forneça prescrições e protocolos de tratamento em tempo hábil. 

A nuvem também diminui a distância entre os especialistas, permitindo que eles avaliem os casos e compartilhem suas opiniões independentemente das limitações geográficas.

Ter os dados do paciente na nuvem também promove a interoperabilidade entre os vários segmentos do setor de saúde: produtos farmacêuticos, seguros e pagamentos. Isso permite uma transferência perfeita de dados entre as diferentes partes interessadas, acelerando assim a prestação de cuidados de saúde e introduzindo eficiência no processo.

 

5. Propriedade dos dados pelo paciente

A computação em nuvem democratiza os dados e dá aos pacientes o controle sobre sua própria saúde. Ele aumenta a participação do paciente nas decisões relativas à sua própria saúde e leva a uma tomada de decisão informada, agindo como uma ferramenta para a educação e o envolvimento do paciente.

Registros de pacientes e imagens médicas podem ser facilmente arquivados e recuperados ao armazenar dados na nuvem. Embora a segurança na nuvem continue sendo uma preocupação, a confiabilidade da nuvem para armazenamento de dados é definitivamente maior. 

A redundância de dados é reduzida com um aumento no tempo de atividade do sistema. Como os backups são automatizados e não há um único ponto de contato onde os dados são armazenados, a recuperação dos dados se torna muito mais simples.

6. Capacidades de telemedicina

A acessibilidade remota de dados é possivelmente a maior vantagem que o armazenamento de dados em nuvem oferece. A combinação de computação em nuvem com saúde tem o potencial de melhorar uma série de funções relacionadas à saúde, como telemedicina, cuidados pós-hospitalização e adesão à medicação virtual. Também melhora o acesso aos serviços de saúde por meio da telessaúde.

Os aplicativos de telemedicina adicionam o elemento de conveniência à prestação de cuidados de saúde ao mesmo tempo que atualizam a experiência do paciente. 

Os sistemas e aplicativos de telessaúde baseados em nuvem permitem o compartilhamento fácil de dados de saúde, melhoram a acessibilidade e fornecem cobertura de saúde aos pacientes durante as fases de prevenção, tratamento e recuperação.

A ampla adoção da computação em nuvem na área de saúde vai muito além de apenas armazenar dados na arquitetura da nuvem. As instituições de saúde agora estão aproveitando essa tecnologia para ganhar eficiência, otimizar fluxos de trabalho, reduzir os custos associados à prestação de assistência médica e oferecer personalização em planos de assistência para melhorar os resultados.

Nossos clientes reduziram mais de 80% os custos com papel

E-VAL Madics Sign: Assinaturas eletrônicas na saúde são fundamentais na integração nos sistemas de gestão em saúde e na digitalização de documentos

Oferecida pela E-VAL Saúde, O MADICS Sign é uma solução de assinatura eletrônica integrada ao prontuário eletrônico do paciente (PEP) que ajuda os hospitais a eliminarem papel em seus processos médicos e no uso da receita digital e atestados médicos. 

O MADICS Sign é a maneira mais fácil de eliminar o papel do hospital, melhorando a colaboração entre os médicos, enfermeiros e equipe multi, criando uma experiência incrível.

Considerada a solução mais indicada para eliminação do registro impresso do prontuário, o MADICS Sign se apoia na legislação vigente sobre a validade jurídica de documentos eletrônicos assinados digitalmente e nas resoluções que regulamentam a infraestrutura de certificação digital brasileira e o uso de certificados digitais no setor da Saúde. 

A solução permite a autenticação do usuário integrada ao sistema de prontuário. O hospital ou seu representante chancelam digitalmente o registro do prontuário e o registro de autenticação do profissional de saúde, garantindo a inalterabilidade do prontuário e autenticação, gerando uma evidência verificável por terceiros.​

Além disso, o MADICS Sign é um sistema híbrido que mantém a assinatura digital ICP-Brasil, transparente para o sistema de prontuário e operação.​ O hospital poderá manter parte dos usuários assinando digitalmente de acordo com sua avaliação.

Quanto tempo sua equipe está perdendo manuseando documentos em papel? Para muitos hospitais, a resposta é: “Não sabemos”.

Embora tenha havido uma mudança nos últimos anos em direção à digitalização de processos de saúde, como o uso de formulários de entrada online simples ou a implementação de sistemas como o prontuário eletrônico do paciente (PEP), muitas práticas ainda lutam com fluxos de trabalho em papel.

Isso pode incluir documentação em papel sendo passada fisicamente entre os membros da equipe, ou mesmo soluções de software não automatizadas, como o envio de um arquivo Excel por e-mail, por exemplo.

Muitos desses processos podem (e devem) ser digitalizados e automatizados, se não por uma questão de conveniência, mas por um outro motivo importante: o custo.

Os sistemas de fluxo de trabalho baseados em papel podem custar à sua clínica milhares de Reais anualmente, mesmo sem você saber.

Nos EUA, por exemplo, o uso de formulários em papel custa US $ 120 bilhões por ano.

Para as clínicas, a maior parte dos resíduos de papel vem de arquivos de pacientes, formulários de admissão e outros processos de papel relacionados ao atendimento ao paciente, bem como ao trabalho administrativo.

Embora, na prática, o PEP tenha mitigado algum desperdício de papel nas clínicas, isso simplesmente não foi suficiente.

Na verdade, espera- se que a demanda por papel dobre antes de 2030.

Forneça experiências de assinatura excepcionais e agilize assinatura de prontuário com MADICS Sign com uso da nuvem

É a maneira mais fácil de automatizar fluxos de trabalho de PEP. Use o MADICS Sign e elimine uma boa quantia de papel e dor de cabeça.

E-VAL Saúde, uma empresa do Grupo E-VAL

A E-VAL Saúde é uma empresa especializada em certificação digital, segurança da informação com foco em assinatura digital, autenticação e proteção de dados, em especial para assinatura digital de prontuários eletrônicos do paciente, gerenciamento eletrônico de documentos e demais documentos de seu hospital, operadora, laboratório ou clínica. A E-VAL Saúde tem mais de 10 anos de experiência no mercado da saúde.

Fale conosco, os especialistas da E-VAL Saúde terão o maior prazer em atendê-los, contribuindo para o desenvolvimento dos seus projetos e a melhoria contínua da segurança do seu hospital, operadora, laboratório ou clínica.

Até breve!